Vigilância Sanitária de Muriaé assume serviços de alta complexidade em saúde na cidade

data 27/11/2018

Pacto possibilita que procedimentos sejam realizados no município e não mais em Ubá, como ocorria anteriormente.


A Vigilância Sanitária de Muriaé assumiu a fiscalização de estabelecimentos de alta complexidade na cidade. O novo processo deve gerar mais facilidade e agilidade no acesso aos serviços públicos, de acordo com a Prefeitura.

Os serviços são banco de células e tecidos germinativos, banco de tecidos oculares, indústria de produtos para saúde e de grande porte, laboratório de ensaios clínicos, serviço de nutrição enteral, entre outros.

Em fevereiro de 2017, quando o termo de compromisso foi firmado, a Secretaria Municipal de Saúde assumiu a atribuição de executar, acompanhar e avaliar o Programa de Monitoramento das Ações de Vigilância em Saúde.

Antes, os fiscalizados tinham que entrar em contato com a Gerência Regional de Saúde de Ubá, recolher as taxas e encaminhá-las pelos Correios ou entregá-las pessoalmente para se licenciarem.

“A grande vantagem da Vigilância Sanitária de Muriaé ter assumido a fiscalização de todos os tipos de atividades de interesse da saúde, é a possibilidade de tudo ser resolvido dentro do próprio município, o que facilita e agiliza todo o processo de licenciamento sanitário dos estabelecimentos sujeitos a este procedimento”, comentou o coordenador do órgão, Sylvio Amaral.

Além dos novos serviços, o órgão fiscaliza os de média e baixa complexidade, além de denúncias do Departamento Geral de Ouvidoria do Sistema Único de Saúde (SUS), da Ouvidoria Geral do Município e do Ministério Publico de Minas Gerais (MPMG).

A Vigilância Sanitária fica na Rua Vereador José Messias, nº 65, no Bairro Santo Antônio e o atendimento ao público ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 16h. As denúncias podem ser feitas presencialmente ou pelo telefone (32) 3721-8838.


Todos os Direitos Reservados à Muriaé News - Criado e Desenvolvido por Desenvolvido por HPMAIS